Gestão de Empresas

Gestão empresarial: a administração descomplicada da sua empresa!

gestão empresarial

Um fator que contribui significativamente para o sucesso ou fracasso de uma empresa é a Gestão Empresarial. O conhecimento de todo o aparato que compõe uma organização necessita da atenção do seu gestor para atingir os seus objetivos profissionais.

O pecado de muitos empreendedores é não contar com um bom planejamento, equipe qualificada e ferramentas de gestão e controle que dão embasamento para as corretas decisões. No entanto, cuidar de todos os processos de uma organização não é uma tarefa tão simples.

Dessa forma, listamos quatro pilares básicos de uma gestão empresarial eficiente, visando auxiliar você no mundo dos negócios. Continue lendo!

1. Gestão financeira

Um dos fatores que mais atrapalha o sucesso de uma empresa é a falta de gestão financeira, o que acarreta até mesmo falências em períodos curtos de tempo. Contudo, com uma gestão eficiente, os resultados tendem a garantir o crescimento da empresa de forma sustentável.

A gestão financeira estruturada ajuda a assegurar o aumento patrimonial da empresa com a geração de uma taxa de lucro líquido satisfatória, de acordo com cada tipo de negócio.

E não é só isso. Alguns métodos que fazem parte da gestão financeira contribuem para um bom desenvolvimento econômico do empreendimento como: o planejamento e análise das finanças e das oportunidades de captação de recursos financeiros, equilíbrio entre o crédito, cobrança e controle de caixa.

2. Gestão de indicadores

Na gestão empresarial, os indicadores de desempenho possuem um papel essencial, pois eles fornecem dados organizados e bem estruturados, que são fundamentais para o empreendedor ter um embasamento necessário na tomada de decisões.

A gestão de indicadores não serve apenas para as grandes empresas ou o que seria uma etapa mais avançada na gestão. É ideal que ela seja considerada desde os primeiros passos da modelagem e estruturação financeira das empresas.

Para entender melhor, os indicadores são valores quantitativos que possibilitam às empresas medirem o que se executa e se gerencia do modo mais adequado para atingir as metas organizacionais ou departamentais planejadas.

É preciso ter muita atenção no momento de escolher os indicadores para a empresa, uma vez que, quando mal definidos, podem ocasionar equivocadas decisões. Por isso, é tão importante optar pelos inteligentes que garantam a estratégia e realidade da organização.

3. Controle da contabilidade

As pequenas e médias empresas têm um papel relevante no cenário empresarial. Uma grande parte das receitas e dos empregos gerados no Brasil é devido a elas, visto que a saúde e o desempenho dos seus negócios são garantidos pelo núcleo de suas atividades.

Porém, a disputa no mercado nacional coloca o gestor contra a parede ao lidar com as demandas administrativas e financeiras dos negócios, como o gerenciamento de estoques, controle de custos, quitação de dívidas, dentre outros.

Assim, a contabilidade auxilia contra os empecilhos diários das atividades, pois estamos falando de uma ciência que possui recursos com controle de gastos, circulação de caixa e tomada de decisões.

Debater as demonstrações contábeis é importante para o seu negócio. A contabilidade e a gestão devem caminhar juntas, pois ambas trocam informações essenciais para as tomadas de decisão.

4. Lucratividade na gestão empresarial

O crescimento da empresa de maneira sustentável se dá quando visa a redução dos custos e a ampliação das vendas. É preciso ter o objetivo de melhorar a sua produtividade, independentemente do cenário do país.

As três formas de ampliar a lucratividade são:

  • Mude a cultura: quando se muda a cultura almejando uma melhora significativa de sua gestão, você conseguirá aumentar os lucros de modo estruturado.

  • Reduza custos: o lucro do seu negócio baseia-se no quanto você vende e o quanto você gasta. Diminuindo o gasto, o superávit aumenta, logo, há geração de lucro.

  • Aumente as vendas: se reduzindo os custos aumentam os lucros, percebe-se que gerando uma maior venda, automaticamente o ganho final será alcançado.

A gestão empresarial correta é a porta para o sucesso do seu empreendimento. A visão e o aproveitamento das melhores oportunidades proporcionam a realização dos seus objetivos pretendidos. Portanto, comece a agir.

Gostou do nosso guia sobre gestão empresarial? Deixe o seu comentário!

 
Você também pode gostar
vendo gráficos
5 dicas de planejamento financeiro para o seu negócio
Declaração simplificada é a melhor opção? Saiba aqui!
mesa de escritório
Entenda como otimizar os processos internos da empresa

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Nome*
Site

Share This